DestaquesRegionais

Polícia Militar desativa fábrica clandestina de armas e captura suspeitos em Croatá da Serra

Uma ação realizada pela Polícia Militar do Ceará (PMCE) resultou na prisão de dois homens suspeitos de fabricar e comercializar armas de fogo artesanais, na tarde dessa última quinta-feira (29-04-2021), no bairro Caroba, no município de Croatá – pertencente à Área Integrada de Segurança 14 (AIS 14) do Estado. Além da captura dos suspeitos, foram apreendidas cinco armas de fogo artesanais e diversos materiais que eram utilizados na confecção do armamento em uma fábrica clandestina.

Os trabalhos da equipe da PMCE se iniciaram quando eles foram informados acerca de uma oficina de motocicletas que, além de consertar motocicletas, fabricava e vendia armas artesanais. Após a denúncia, os profissionais da segurança foram ao local informado e realizaram diligências. Ao chegar à oficina, um dos proprietários, identificado como Romário Ximenes Ribeiro, de 30 anos, foi encontrado com uma espingarda artesanal. O outro proprietário da oficina, identificado como José Talyson de Oliveira, de 28 anos, com antecedentes por roubo a pessoa, foi encontrado em sua residência, na qual foram encontrados materiais que seriam usados na fabricação das armas.

Os suspeitos, que não reagiram à ofensiva policial, receberam voz de prisão e foram conduzidos à Delegacia Regional de Tianguá, unidade da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), junto com os materiais apreendidos. A saber: um facão, dois recipientes com pólvora, quatro buchas de bala, dois ganchos de ferro, quatro canos de espingarda, cinco coronhas de espingarda tipo socadeira e outros materiais utilizados para a prática ilícita.
Os suspeitos de manter a fábrica clandestina confessaram que fabricavam e comercializavam armas de fogo na região.
Eles foram autuados em flagrante pelo comércio ilegal de arma de fogo. O caso foi transferido para a Delegacia Municipal de Guaraciaba do Norte, que conduzirá as investigações com o objetivo de identificar outros suspeitos de participar do esquema ilícito.
 
Fonte: SSPDS via Aconteceu Ipu

Comente com Facebook

É proibida a reprodução do conteúdo desse site.
%d blogueiros gostam disto: