Destaques

Banda Impacto 9 é destaque na Festa do Livro na Terra de Iracema

A Banda Impacto 9 foi destaque na festa cultural de Ipu, abrilhanta e finaliza com chave de ouro o evento cultural realizado nesta sexta-feira (27/04), na 1ª  Festa do Livro na Terra de Iracema

A Banda Impacto 9 – formada por: Gustavo Luiz (vocal e violão), Thiago Lorg (Baixo), Sávio Caverão (Guitarra e violão) e Marquinhos (cajon de ouro – na bateria) encerrou os festejos culturais com suas músicas autorais e contagiantes, de essência e originalidade, é hoje a febre entre os jovens ipuenses do estilo do rock na terra de Iracema. 
 
Impacto 9 na festa do livro. (Foto: Jardel Pessoa/Agência Ipu Post)

 

Com sua pegada e estilo próprio e irreverente a Impacto 9 vem se destacando com músicas autorais. O vocalista e líder da banda Gustavo Luiz, aproveitou a sua presença de palco e pediu as autoridades que ajudassem e colocasse no calendário cultural e oficial da cidade a comemoração e o festejo do evento “Dia do Rock” todo dia 13 de julho em alusão ao dia mundial do rock e que não está havendo devido as dificuldades supérfluas e pertinentes que não deviam acontecer e assolam com a arte. 
 
A tribo do rock cresce demasiadamente na cidade turística de Ipu e luta pelo espaço que eles já vem trilhando e conquistando a tempo por esforço próprio e muito amor a arte e o estilo musical mais ouvido do mundo, o bom e velho Rock In Roll. 
 
Em uma rápida entrevista Gustavo Luiz vocalista da banda afirmou: “O Rock na cidade de Ipu é uma realidade cultural descriminada, porém sólida, onde nunca vai acabar o amor que cresceu através de gerações e que se renovam pela qualidade da boa música, o rock não é só um estilo de música, mas um estilo de vida, os músicos continuaram sempre a tocar por amor e apreciar essa arte, devia haver mais apoio pela classe política em relação ao artista autoral, como incentivo financeiro e mais eventos que apresentassem esses artistas pro Brasil e não ficassem estagnados na mesmice só aqui na cidade de Ipu, mas que isso desbravasse as fronteiras da cidade, do Brasil e do mundo !! Ele cobrou ainda que o estado visse com um foco maior o interior do estado e esses talentos pudessem serem reconhecidos, apreciados e destacados o seu talento no mundo da arte.” disse
 

 

 
 
Fonte: Ipu Notícias

Comente com Facebook