CearáDestaques

‘Véu de noiva’ reaparece na Bica de Ipu com a chegada das chuvas ao Norte do Ceará

A Bica do Ipu, um dos principais atrativos turísticos da região Norte do Ceará, voltou a jorrar na quarta-feira (9), após as chuvas registradas no município desde o início do mês de janeiro. Quando o Riacho Ipuçaba ganha volume, ele despenca da Serra da Ibiapaba, formando o famoso ‘Véu de Noiva’, com uma queda d’água de 130 metros de altura.

No período chuvoso – que tende a se estender até maio – o local passa a ser o principal ponto de visitação do município cujo nome, em Tupi, língua indígena, significa ‘água que cai do alto’.

 
Bica do Ipu é um dos principais pontos turísticos da Serra da Ibiapaba, no Ceará — Foto: Chrystian Pereira

Bica do Ipu é um dos principais pontos turísticos da Serra da Ibiapaba, no Ceará — Foto: Chrystian Pereira

Com previsão de aumento no número de visitantes no local, a gestão da unidade de conservação da Área de Proteção Ambiental da Bica do Ipu orientou que os visitantes devem colaborar para manter a beleza do lugar, descartando adequadamente resíduos sólidos, como embalagens de água, refrigerantes e restos de comidas, nas lixeiras disponíveis no trajeto de acesso aos turistas.

Volume pluviométrico

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), nos nove primeiros dias de 2020, foi observado o acumulado de 26 milímetros de chuva na cidade de Ipu. A previsão para os próximos dias é de mais precipitações na região. Em todo o Ceará, a Funceme registrou total de 40,6 milímetros no mesmo período.

 
Bica do Ipu é um dos principais pontos turísticos da Serra da Ibiapaba, no Ceará — Foto: Afrânio Soares

Bica do Ipu é um dos principais pontos turísticos da Serra da Ibiapaba, no Ceará — Foto: Afrânio Soares

 
Fonte: G1 CE

Comente com Facebook

É proibida a reprodução do conteúdo desse site.
%d blogueiros gostam disto: