CearáDestaques

Doze pessoas são detidas em São Benedito por descumprir medida de isolamento social

Onze pessoas foram detidas em uma festa em um lava a jato. Um comerciante foi detido por manter o estabelecimento comercial aberto
 

Doze pessoas foram detidas no município de São Benedito entre sexta-feira, 3, e sábado, 4, por descumprimento de decreto estadual (N° 33.519) que determina isolamento social como medida de enfrentamento ao coronavírus no Ceará. Onze pessoas foram detidas em uma festa em um lava a jato. A outra infração foi de um comerciante que manteve o estabelecimento aberto. A ação foi resultado de operação conjunta de diversos órgãos com o objetivo de fiscalizar estabelecimentos e locais com aglomeração de pessoas.

O grupo detido estava em um lava a jato, localizado no bairro de Fátima, em São Benedito, ingerindo bebida alcoólica, quando foi flagrado policiais militares, conforme informações da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado (SSPDS). Eles foram conduzidos à Delegacia Municipal de Guaraciaba do Norte na sexta-feira, 3. A outra ocorrência foi registrada neste sábado, 4. Após ser flagrado com o comércio aberto, o homem foi levado à Delegacia Municipal de São Benedito.

Conforme a SSPDS, todos foram autuados em um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) no artigo 286 do Código Penal Brasileiro, “por infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa”.

Participaram da ação Equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), da Polícia Civil do Estado (PCCE), por meio da Delegacia Municipal de São Benedito; do Ministério Público do Estado (MPCE), da Coordenadoria Municipal de Transporte e Trânsito (Cotran) de São Benedito e do Pró-Cidadania.

De acordo com dados da Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp), do dia 20 de março a 3 de abril, 46 ocorrências contra estabelecimentos comerciais foram registradas. Os proprietários dos comércios foram conduzidos para delegacias da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) por descumprirem o artigo 268 do Código Penal Brasileiro.

 

Fonte: O Povo Online

Comente com Facebook

É proibida a reprodução do conteúdo desse site.
%d blogueiros gostam disto: