EntretenimentoNacional

De excluída a protagonista, Juliette quebra recorde de votação e vence o BBB21 com 90,15% dos votos.

Juliette vence o 'BBB21' — Foto: Reprodução/Globo
Juliette Freire é a grande campeã do BBB21. Após passar 100 dias confinada, a advogada conquistou o prêmio de R$ 1,5 milhão com 90,15% dos votos. Camilla de Lucas ficou na segunda colocação, recebendo 5,23% do apoio popular. Já Fiuk terminou em terceiro, com 4,62%.
 
O percentual de votos é o maior já registrado por um campeão de toda a história do reality no Brasil. Antes, quem liderava a lista era Kleber Bambam, vencedor da primeira temporada, que recebeu 68% das indicações do público para se tornar vencedor.
 
Na noite desta terça-feira (04-05-2021), Tiago Leifert apresentou a edição na área externa da sede do programa.

“Indecisa, sem noção, possessiva, frágil, caça likes, bloqueada, oportunista, fora o que falaram pelas suas costas. Tentarem te deixar triste, te deixar louca, você tinha razão. Quando te deixaram triste, você fez a gente dar muita risada, quando você tinha todas as razões do mundo para se tornar má, você continuou bondosa. Ser assim no BBB é muito perigoso, porque ninguém acredita”, iniciou ele.

“A verdade também, Ju, é que você nunca esteve sozinha em nenhum momento. E voce nunca mais vai ser sentir sozinha na sua vida, isso quem tá dizendo não sou eu, são os quase 24 milhões de seguidores que você tem nas redes sociais. Juliette, você é um fenômeno. No palco, montado pelo público, você nunca saiu do primeiro lugar”, continuou ele, antes de anunciar o resultado.
 
Perseguida da edição – A trajetória de Juliette no BBB21 foi cheia de altos e baixos. Logo no primeiro dia de confinamento, ela foi imunizada pelo público e enviada a uma casa extra ao lado de Arthur Picoli, Fiuk, Lumena Aleluia, Projota e Viih Tube.
 
Assim que entraram na casa principal, os seis privilegiados foram recebidos com surpresa pelos demais confinados. Naquele momento, no entanto, a maquiadora não podia imaginar que enfrentaria momentos de solidão e perseguição na casa.
 
Não demorou muito para o nome de Juliette virar motivo de assunto na boca dos moradores da casa mais vigiada do Brasil. Lumena foi uma das primeiras a começar a implicar com a paraibana. Um dos momentos mais tensos na relação das duas sisters aconteceu quando a baiana reclamou da adversária por ela ter ficado mais tempo do que devia fazendo o raio-x.
 
Juliette também se tornou alvo de Karol Conká, a grande vilã da edição. A rapper chegou a reclamar do jeito da paraibana se expressar e foi bastante criticada nas redes sociais. “Eu sou de Curitiba, tenho muita educação para falar com as pessoas”, disparou a cantora na ocasião.
 
Fiuk, que se aproximou muito da advogada nas últimas semanas de confinamento, também protagonizou momentos desconfortáveis com a participante. Em um dos vários desentendimentos com Juliette, o irmão de Cleo disse que tinha dificuldade para lidar com ela.
 
A série de conflitos com os moradores da casa começaram a incomodar a paraibana. Após a eliminação de Kerline Cardoso, Juliette tentou se aproximar dos colegas de confinamento e propôs uma reunião de condomínio para resolver os problemas.
 
Na ocasião, a sister reclamou por estar se sentindo excluída das atividades da casa. “Eu tô falando a verdade, vocês não querem escutar, vocês estão com medo de mim, com medo porque eu sou diferente de vocês, porque eu moro no Nordeste, eu sou diferente, eu sou mulher”, lamentou ela.
 
 
Fonte: Notícias da TV via Aconteceu Ipu

Comente com Facebook

É proibida a reprodução do conteúdo desse site.
%d blogueiros gostam disto: