DestaquesIpu

Corpo de Bombeiros de Ipueiras captura cobra cascavel em residência de Abílio Martins

Ipu Post

Uma guarnição do Corpo de Bombeiros do município de Ipueiras, na região do Sertão de Crateús, capturou uma cobra cascavel no início da noite desta segunda-feira (28) de fevereiro, em uma residência localizada na zona rural do município de Ipu.

O animal estava dentro do quintal da residência do repórter do site Ipu Post, quando gatos começaram atacar e ela foi identificada por moradores do local fazer barulho de ataque aos felinos. Após checarem que se tratava de um animal peçonhento e que oferecia alto risco foi acionado a equipe dos bombeiros do município de Ipueiras.

 

 A equipe de plantão do Corpo de Bombeiros Militares chegou ao distrito de Abílio Martins e capturou o animal. Em conversa com a equipe do Ipu Post, o comandante da equipe destacou que ao identificar um animal do tipo, deve-se ligar para o telefone 193 e acionar os bombeiros. No procedimento se possível tirar uma fotografia do animal, comunicar número da casa, ponto de referência, rua entre outros.

Após a captura do animal, foi identificado que a cascavel tinha oito anéis – chocalhos na ponto do rabo. O guizo é formado por pele. A cobra cascavel é famosa pelo chocalho que tem na ponta da cauda. É possível saber a idade dela por aí. Acontece que cada anel do chocalho, também chamado de guizo, é formado a cada troca de pele. “Ela sai no sentido da cabeça para a cauda e, aí, uma parte fica presa, formando um dos anéis” explica o biólogo Luiz Antônio B. de Mello Lula da Fundação Parque Zoológico de São Paulo. 

 

A cascavel, que vive cerca de quinze anos, troca de pele três ou quatro vezes por ano. Isso em cativeiro (na natureza, o número pode ser ainda maior). Portanto, uma cobra com nove anéis no chocalho tem provavelmente entre dois e três anos. (Super Interessante)

https://www.facebook.com/IpuPost/videos/982437349037383

 

Da Redação do Ipu Post
Diretor-geral: Jardel Pessoa

Comente com Facebook