DestaquesIpu

Pé de Ipê vira sensação e viraliza após fotografia no distrito de Abílio Martins em Ipu

Árvore nativo do Brasil foi fotografada pelo repórter Jardel Pessoa e viralizou após publicação nas redes sociais. 
Ipê no distrito de Abílio Martins. (FOTO: Jardel Pessoa/Agência Ipu Post)

Um pé de ipê rosa se tornou sensação nas redes sociais após ser registrado pelo repórter Jardel Pessoa do Portal Ipu Post na manhã da última terça-feira (28/07), no distrito de Abílio Martins, na zona rural do município de Ipu, na região da Serra da Ibiapaba.

A fotografia viralizou nas redes sociais e está encantando moradores da comunidades e internautas. A árvore fica localizada próximo do Brega, na Rua Joaquim Soares Lima, no local esta sendo realizada uma obra de terraplanagem e será construída um calçamento. A prefeitura municipal preservou a árvore.

Flores de ipês-rosas, amarelos e brancos embelezam as cidades por todo o País no segundo semestre do ano. As floradas, que começam pelos ipês-rosas, se iniciam no mês de junho e duram até o final de agosto, mês das flores brancas.

Ipê no distrito de Abílio Martins. (FOTO: Jardel Pessoa/Agência Ipu Post)

Na nossa região, a árvore é conhecida pelo nome de pau-d’arco. A espécie rosa, roxa e amarela são as mais conhecidas. Ela é tem uma excelente madeira ocorre em todos os biomas e se divide basicamente em dois tipos: a do Cerrado e a da mata. no cerrado os ipês possuem casca grossa e são mais baixos, com cerca de 10 metros de altura. Os da mata atingem até 20 metros.

Qual a origem do ipê

Ipê é uma palavra de origem tupi, que significa árvore cascuda, e é o nome popular usado para designar um grupo de nove ou dez espécies de árvores com características semelhantes de flores brancas, amarelas, rosas, roxas ou lilás.

No Brasil, o ipê-bicolor-damasco é extremamente raro. Um ipê leva, em média, quatro anos para começar a dar as primeiras flores. Ainda vai levar um bom tempo para que todas as árvores plantadas floresçam.

 

Da Redação do Ipu Post
Pesquisa em sites especializado

Comente com Facebook

É proibida a reprodução do conteúdo desse site.
%d blogueiros gostam disto: