DestaquesIpu

Escola Auton Aragão de Ipu conquista primeiro lugar na Etapa Regional do Ceará Científico

Ipu Post

A Escola de Ensino Médio Tempo Integral (E.E.M.E.T.I.) Auton Aragão, de Ipu, conquistou o primeiro lugar na Etapa Regional do Ceará Científico 2023, na Categoria Ciências da Natureza e Engenharia. O Projeto Mão Biônica de Papelão, desenvolvido por estudantes do 2º ano do ensino médio, foi o vencedor.

O projeto consiste na construção de uma mão biônica feita de papelão, que é capaz de realizar movimentos simples, como abrir e fechar a mão, e mover os dedos. O projeto foi desenvolvido pelos estudantes Ana Clara Baltazar, João Matheus Santos e Laura Alves, sob a orientação dos professores Jânderson Lucas e Lia Mara.

“O Projeto dos estudantes da E.E.M.T.I. Auton Aragão de Ipu demonstrou a importância da tecnologia assistiva aonde a partir da construção de um recurso didático com o uso de materiais simples e alternativos revelaram a possibilidade de reprodução de movimentos biomecânicos.” disse o Diretor da Escola Paulo César Martins.

A classificação da Escola Auton Aragão para a Etapa Estadual do Ceará Científico é um reconhecimento ao trabalho e dedicação dos estudantes e professores envolvidos no projeto. A equipe da escola irá representar a Região da Ibiapaba na etapa estadual, que será realizada em Fortaleza.

Sobre o Ceará Científico

O Ceará Científico é o itinerário científico anual da SEDUC e possui três etapas: Escolar, Regional e a Estadual. Na Etapa Escolar os projetos são desenvolvidos e apresentados na escola de forma curricular e por afinidade dos estudantes pela temática a ser pesquisada. Os trabalhos que se destacam na etapa escolar seguem para a etapa Regional.

A Etapa Regional é desenvolvida por cada Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (CREDE) e pela Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza (SEFOR). Os trabalhos que se destacam em cada Regional seguem para a etapa Estadual.

A Etapa Estadual ocorre em Fortaleza e reúne os projetos escolares destaque de toda a rede pública estadual, distribuídos em oito categorias e um total de 184 equipes e mais de 750 participantes. Os projetos são expostos e visitados por mais de 2.000 pessoas a cada ano. Os projetos escolares premiados na etapa Estadual recebem financiamento para representar o estado nos principais eventos nacionais e internacionais. O Ceará é destaque em premiações dentro e fora do Brasil.

 

Fonte: Ipu Notícias

Comente com Facebook